Termo de Cooperação inédito no Brasil é assinado pelo CRCAM e Jucea

Um Termo de Cooperação Técnica foi assinado pelo Presidente do CRCAM, Manoel Júnior, e pelo Presidente da Junta Comercial (Jucea),

Caio Augustus Fernandes, na manhã desta sexta-feira, dia 28, como um marco na história da Contabilidade Amazonense. 


O documento permite ao CRCAM a responsabilidade em deferir ou indeferir os balanços. Será analisada a estrutura e não os seus valores. "Não faremos auditoria nos balanços ", ressalta o Presidente Manoel Júnior, esclarecendo que eles serão analisados apenas de acordo com a Norma ITG 1000, conforme Resolução 1418/2012 do CFC; com a Lei 6404 /76 e NBC TG 1000, conforme resolução 1255/09, CFC.


Ele explica que essa ferramenta será utilizada no combate aos leigos, facilitando a identificação, se a pessoa que assinou o documento é de fato um profissional da Contabilidade devidamente habilitado no CRCAM. Além de aprimorar mais os profissionais por meio das atualizações das Normas CFC.


Na ocasião,  o Presidente da Jucea, Caio Augustus destacou que a parceria favorece a sociedade, dando mais transparência e segurança às empresas.


O  Procurador Chefe da Jucea, Thales Silvestre Júnior também enfatizou que o Termo é  um meio para o CRCAM ajudar a Junta Comercial.


A coordenadora de Fiscalização do CRCAM, Ana Cristina de Souza Cabral, acrescentou que o Termo aproximará os profissionais do Regional em razão do aprimoramento, bem como dará segurança e transparência à sociedade. 


O evento contou ainda com a participação do Secretário Geral da Jucea, Milton Aurélio Rosas Gomes e dos fiscais do CRCAM: Maria José Ramos  Iwata, Pamela Suelen Camargo,  Evelyn Paula de Oliveira e Erison Rebelo de Lima. 


A previsão para início dessa atividade é dia 7 de novembro.